O universo já conhecido de Sherlock Holmes ganha uma atrativa adição com a adaptação da Netflix de Enola Holmes, filme baseado na série literária homônima de Nancy Springer. Sob comando de Harry Bradbeer, acompanhamos Millie Bobby Brown se livrar das amarras de Stranger Things e embarcar numa jornada que, apesar de não ser a sua melhor performance dramática, ainda é capaz de divertir o público.

A maior fraqueza do filme está em seus momentos iniciais: damos de cara com uma Enola que não parece se encaixar em uma faixa etária, e simultaneamente aparenta ter doze e dezesseis anos tanto em vestuário quanto em comportamento. Em menos de cinco minutos somos apresentados às decepcionantes versões de Sherlock (Henry Cavill) e Mycroft Holmes (Sam Claflin), e a descaracterização gritante é quase uma ofensa à memória de sir Arthur Conan Doyle.

Categoricamente um personagem misógino e, de maneira crua, insensível, Sherlock Holmes de Cavill peca por atrelar-se emocionalmente e se deixar cativar pelos conflitos da irmã, e toda sua persona de detetive genial não passa de uma farsa mal ensaiada. Por sorte, o filme não é sobre ele.

Usuários do Twitter ficam surpresos ao descobrir que nem Enola nem Sherlock  Holmes existiram de verdade | Brasil - Últimas Notícias do Brasil | O POVO  Online

Enola Holmes é, por si só, uma personagem instigante — de forma que ser irmã do famoso detetive é um mero detalhe e facilmente ignorável. É um enredo que se sustentaria mesmo sem os personagens já conhecidos. O desenvolvimento corrido de situações que parecem só estar lá por alguma regra de filmes do gênero — como a icônica perseguição em um trem — não tiram a graça de um filme delicioso.

Os enigmas, mesmo infantilizados para compreensão do público, não deixam de ser inteligentes, e os mistérios interligados do desaparecimento de sua mãe, a sufragista Eudoria (interpretada por Helena Bonham Carter) e o curioso Lord Tewksbury (o novato Louis Partridge) se desdobram até viradas surpreendentes. Enola Holmes vale as duas horas de filme, os debates que ergue e o tempo em família assistindo-o.

________

Escute nosso PODCAST no: Spotify | Google Podcasts Apple Podcasts | Android | RSS 
Entre para o nosso grupo no facebook AQUI
Curta nossa página AQUI

.
.
.

O BRILHANTE PLOT TWIST DE CLUBE DA LUTA